Photo 3 Mar 4 notes Mestre Tibúrcio no CAJ

Mestre Tibúrcio no CAJ

(Source: ficavaiter)

Photo 13 Feb 1 note photogabi:

Algumas peças básicas conquistam meu 💛 (Taken with instagram)

photogabi:

Algumas peças básicas conquistam meu 💛 (Taken with instagram)

via instaGabi.
Text 3 Feb 2 notes O dia em que Manoel Lemos me deu um iPod

Os Cajianos já sabem de cor quem é o mestre Manoel Lemos, o cara que cuida da parte digital da Abril. O que ninguém sabe é ele já presenteou um aluno do Curso com um moderníssimo iPod Nano 8 GB. Isto aconteceu em 2009, quando ele lançou um concurso cultural no já finado site Brasigo. A página era uma espécie de Yahoo Respostas tupiniquim e carregava o bom nome do BlogBlogs, ícone da blogosfera na época.

A missão era responder uma das dez perguntas premiadas. Das dez, escolhi a que mais se enquadrava no meu perfil:

A globalização está fazendo o Brasil perder a identidade?

Graças a uma leitura recente do livro Identidade Cultural na pós-modernidade, do outro mestre Stuart Hall, montei uma senhora resposta. Ganhei o concurso de 800 pessoas e Lemos me enviou o iPod verde-limão.

Este foi um dos meus maiores orgulhos. Vergonhoso foi o destino do iPod. Ele faleceu afogado no mar de Torres-RS em uma linda tarde de sol em janeiro de 2010. Nunca mais tive um produto Apple, mas pelo menos me sobrou uma boa história para contar. 

Segue um link para provar a veracidade da história:


Video 2 Feb 22 notes

deborazanelato:

questão existencial — e os sotaques cajianos. Sotaque carioca Fake…

Photo 1 Feb 2 notes Criador e criatura - Parte 1: Manual de Redação da Abril (escrito em 1990) à frente de um dos seus desenvolvedores, José Roberto Guzzo. Seguem 5 dicas de Guzzo que não foram contadas na palestra, mas estão no livro. 
NÃO ESCREVA:
1. Frases feitas, lugares-comuns e jargões.
2. Termos chulos, obscenos, escatalógicos e vulgares.
3. Construções como “lá em Manaus” e “aqui em São Paulo”.
4. “Pra” ou “Pro”, exceto em citações.
5. “Judiar” e outros termos que tenham conotação preconceituosa.

Criador e criatura - Parte 1: Manual de Redação da Abril (escrito em 1990) à frente de um dos seus desenvolvedores, José Roberto Guzzo. Seguem 5 dicas de Guzzo que não foram contadas na palestra, mas estão no livro. 

NÃO ESCREVA:

1. Frases feitas, lugares-comuns e jargões.

2. Termos chulos, obscenos, escatalógicos e vulgares.

3. Construções como “lá em Manaus” e “aqui em São Paulo”.

4. “Pra” ou “Pro”, exceto em citações.

5. “Judiar” e outros termos que tenham conotação preconceituosa.


Design crafted by Prashanth Kamalakanthan. Powered by Tumblr.